-VOTUPORANGA-SP / MAIO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

sexta-feira, 12 de abril de 2013

MANIFESTO PELA PRAÇA MATRIZ DE VOTUPORANGA-SP


              Sérgio Gibim Ortega
Acredito eu Poeta Gibim, sabendo sim que o Prefeito quer a melhoria pelo estacionamento. Mas, por outro lado o prefeito deve olhar o povo que o elegeu, deve olhar esta música e este vídeo que foi bem colocado. Não é tanto importante em minha opinião o estacionamento. O povo deve estacionar mais longe. Afinal, hoje temos que se prevenir do colesterol e infarto. A cidade é grande e dá muito bem para estacionar. Temos que entender que certas cidades, como exemplo o Japão já tem veículos como bicicletas motorizadas, etc. O que faz o trânsito são os veículos... Mas uma hora o estacionamento não vai valer mais, e aí passa a tirar certos finais de placas, como já é feito em cidades grandes, para não ter o congestionamento. Querido Prefeito que já me conhece também. Como amigo do Carlão também, digo; pense nisso. Deixa o povo aí curtir a Praça. E este dinheiro que seria aplicado aí, salvaria muitas vidas, se aplicado na saúde. E sei que a prefeitura não tem muito haver com a saúde como o prefeito disse na TV Tem. Mas, o que importa é o amor e a sabedoria. Ajudar a Santa Casa, como tem feito a população, seriamos mais felizes se a Prefeitura se empenhasse em ajudar também. Vamos cuidar dos que precisam aí de salvar um filho, um idoso.
E deixo aqui o vídeo que encontrei no Facebook, o Toni Parisi.



Manifesto Público para o Tombamento da Praça da Matriz de Votuporanga-SP - VAMOS RESGATAR PARTE DE NOSSA HISTÓRIA ( que é Nova ) COM A PRESERVAÇÃO DA PRAÇA O...
 A Praça

                       Ronnie Von 

Hoje eu acordei com saudades de você
Beijei aquela foto que você me ofertou
Sentei naquele banco da pracinha só porque
Foi lá que começou o nosso amor
Senti que os passarinhos todos me reconheceram
E eles entenderam toda minha solidão
Ficaram tão tristonhos e até emudeceram
Aí então eu fiz esta canção
A mesma praça, o mesmo banco
As mesmas flores, o mesmo jardim
Tudo é igual, mas estou triste
Porque não tenho você perto de mim
Beijei aquela árvore tão linda onde eu
Com meu canivete um coração eu desenhei
Escrevi no coração meu nome junto ao seu
Ser seu grande amor então jurei
O guarda ainda é o mesmo que um dia me pegou
Roubando uma rosa amarela pra você
Ainda tem balanço, tem gangorra meu amor
Crianças que não param de correr
A mesma praça...
Aquele bom velhinho pipoqueiro foi quem viu
Quando envergonhado de namoro eu lhe falei
Ainda é o mesmo sorveteiro que assistiu
Ao primeiro beijo que eu lhe dei
A gente vai crescendo, vai crescendo
E o tempo passa
E nunca esquece a felicidade que encontrou
Sempre eu vou lembrar do nosso banco
Lá da praça
Foi lá que começou o nosso amor

Nenhum comentário:

PRECISO

         Sérgio Gibim Ortega Preciso olhar em seus olhos e fazer uma bela poesia. Porque tu és a minha linda, e que me trás só alegria....