-VOTUPORANGA-SP / AGOSTO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Psiu!: Prefeitura vai combater som abusivo

Medidas serão tomadas para garantir sossego aos cidadãos combatendo ação daqueles que não respeitam os direitos dos demais
Interessado em adotar medidas que garantam às pessoas o direito de não serem agredidas por sons abusivos, de toda espécie, como vem acontecendo na cidade, o prefeito Junior Marão resolveu designar uma comissão para encontrar meios que impeçam essa prática.

O secretário de Finanças, Oscar Guarizo, que tem sob sua responsabilidade a aplicação das normas contidas no Código de Posturas, foi incumbido pelo prefeito de tomar essa iniciativa.
Já existe uma lei, aprovada pela Câmara Municipal em 2001, que regulamenta o som ambulante, estabelecendo regras que, se cumpridas, impedem que isso ocorra.

Ação imediata
O secretário Oscar Guarizo foi ouvido ontem pela reportagem do Diário, oportunidade em que disse de sua intenção em dar andamento o mais rapidamente possível a essa missão que lhe foi confiada pelo prefeito.
“Há um número significativo de reclamações de pessoas que não se conformam com o que está acontecendo”, disse ele. “E não apenas quanto a veículos que fazem divulgação pelas ruas da cidade, mas também outras modalidades que podem ser constatadas facilmente, como estabelecimentos comerciais que colocam caixas de som voltadas para a via pública e não controlam adequadamente o volume de seus equipamentos”.
Uma outra questão abordada é sobre a “invasão” que se verifica por parte de pessoas que vêm divulgar eventos de outras cidades, notadamente de festas de peão, que não respeitam nem horários e nem locais no desenvolvimento de suas atividades.
Guarizo disse que pretende ouvir pessoas dos mais variados segmentos, que possam contribuir para o aperfeiçoamento da lei existente e ao mesmo tempo dar sugestões quanto a medidas que barrem essas atividades.
“Pretendo conversar com representantes do comércio, da indústria, de repartições públicas, de templos religiosos, que são normalmente incomodados por essa prática abusiva”, asseverou o secretário.

Muros e calçadas
Uma outra ação que deverá ser desenvolvida pela administração municipal é quanto à exigência de construção de calçadas em terrenos baldios espalhados pela cidade.
“Para que isso ocorra é necessário que o próprio poder público dê o exemplo. Consciente disso, o prefeito Junior Marão já determinou aos setores competentes da administração para que adotem iniciativas para que todos os terrenos de propriedade da Prefeitura recebam muros e calçadas”, disse o secretário.
Guarizo adiantou que está notificando todos os proprietários de imóveis nessas condições para que eles adotem essa providência.
“Caso não atendam, a própria Prefeitura aplicará a multa prevista em lei e determinará a limpeza e a construção de muro e calçada, o que torna o investimento muito mais caro, evidentemente”.
O secretário lembrou que esses terrenos, nas condições em que estão, favorecem a proliferação do mosquito transmissor da dengue e também a de caramujos, que hoje infestam vários pontos da cidade.
DO DIÁRIO DE VOTUPORANGA

COMENTÁRIOS

Sérgio Gibim Ortega

Em pleno Carnaval o Sr. prefeito vem me falar de som baixo. Mas veiaco hem! Não cita o Carnaval e sim os ambulantes, som alto nal calçadas!. Eita prefeito! Nem tem mais o que falar. E principalmente as calçadas dos pobrezinhos, que não podem construir agora. Ele não cita os terrenos dos conterranos ricos que vive no mato e sem calçada. deu o que tinha que dar. Eu besta votei nele. Sou um trouxa mesmo. Aqui o poeta fala.


Nenhum comentário:

O HUMORISMO DA TV FICA MAIS TRISTE

O ator  Paulo Silvino   morreu  nesta manhã, no  Rio de Janeiro . Seu filho João Paulo Silvino lamentou o acontecido em uma postagem no Fa...