-VOTUPORANGA-SP / OUTUBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

sexta-feira, 29 de junho de 2012

VIAJANTE

                     Sérgio Gibim Ortega
Vou seguindo pela estrada
sentindo no peito
a dor por minha amada.
Sem parar vou indo nesta estrada,
não tenho destino.
E quando chega a madrugada,
sempre vejo a passarada cantando.
E o mundo vai girando como eu,
que não tenho parada.
Penso no meu amor sorrindo.
e vou seguindo.
Quem sabe um dia
vou chegar no meu destino.
Sou um caminhoneiro apaixonado
que vive sempre distante...
Distante do amor...
Distante dos afazeres da vida.
Mas, sou apaixonado também pelo caminhão.

                                                  (4/3/1997
)

Nenhum comentário:

SENTIMENTOS

                 Sérgio Gibim Ortega Quando eu bebo eu sou rei. Já existe uma poesia assim. Meus sentimentos se afloram, e  choro s...