-VOTUPORANGA-SP / OUTUBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Votuporanga deve vacinar 4,3 mil crianças contra poliomielite

16/9/2009
As doses serão oferecidas na zona urbana, das 8 às 17 horas do sábado, em todas as unidades de saúde e nos postos volantes

A Secretaria de Saúde de Votuporanga, por meio da Divisão de Imunização, realiza neste sábado (19/9) a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite do ano de 2009. A meta do Estado é vacinar 95% das crianças menores de cinco anos de idade, o equivalente a 3 milhões. Em Votuporanga, a cobertura deverá ser de 4.320 crianças.

As doses da vacina oral contra poliomielite serão oferecidas na zona urbana, das 8 às 17 horas do sábado, em todas as unidades de saúde e nos postos volantes da Praça da Matriz e no supermercado Porecatu, da Avenida Brasil. Na zona rural, as equipes percorrerão as propriedades em diferentes horários.

Independente de já terem sido vacinadas anteriormente, devem tomar a dose todas as crianças de até 5 anos de idade. Nesta campanha, também serão atualizadas as carteiras das crianças com vacinas em atraso e a vacinação das gestantes que não receberam a imunização contra a rubéola na campanha de 2008.

A segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Pólio, estava prevista para 22 de agosto, mas foi adiada para o dia 19/9 em decorrência da nova gripe. A medida, no entanto, não comprometerá a saúde das crianças nem o efeito protetor da vacina aplicada na primeira etapa da campanha, realizada em 20 de junho. Outras informações pelo (17) 34059787.

CampanhasAs Campanhas Nacionais de Vacinação contra a Poliomielite tiveram início no ano de 1980, completando 30 anos de sucesso no controle epidemiológico da poliomielite no território brasileiro. O Brasil está livre do poliovírus desde 1989 e assim deve-se manter até a concreta certificação mundial da erradicação deste agente infeccioso. As campanhas devem ser aproveitadas ao máximo, para a garantia da não reintrodução da doença em nosso território.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), não há circulação do vírus da poliomielite no Brasil e em toda a América Latina. Esse resultado é uma consequência das campanhas de vacinação realizadas desde a década de 1980. Mesmo assim, é importante vacinar as crianças.

Ela é uma doença endêmica, ou seja, sua transmissão é constante, em quatro países: Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão. Outros 15 países têm registro de casos importados: Sudão, Uganda, Quênia, Benim, Angola, Togo, Burkina Faso, Niger, Mali, República Central da África, Chade, Costa do Marfim, Gana, Nepal e República Dominicana do Congo.

Sobre a vacinaOferecida gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a vacina contra a poliomielite está disponível durante todo o ano nos postos de saúde e é também oferecida durante as campanhas de vacinação de rotina. Os bebês devem receber a vacina aos dois, quatro e seis meses. Aos 15 meses, as crianças recebem o primeiro reforço. Mesmo assim, é importante que os menores de cinco anos de idade tomem anualmente as duas doses distribuídas na Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomielite.

POSTOS DE VACINAÇÃO
(PARA VER ESTE QUADRO MAIOR CLIQUE NELE)


NOTÍCIA COLHIDA NO SITE DA PREFEITURA DE VOTUPORANGA

Nenhum comentário:

SENTIMENTOS

                 Sérgio Gibim Ortega Quando eu bebo eu sou rei. Já existe uma poesia assim. Meus sentimentos se afloram, e  choro s...