-VOTUPORANGA-SP / OUTUBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

O REPOUSO ETERNO

Sérgio Gibim Ortega

Toda vez que eu vejo um cemitério,
Ao recordar-se, que lá estarei um dia,
Deitado eternamente em repouso profundo
Ao lado de meus entes queridos.
Repousarei para sempre
Sem saber que aqui estive,
Ou se retornar ainda, não saberei.
Apenas vivo um sonho,
Um encanto da natureza,
Do Deus que aqui me criou;
Ao ver tantas capelinhas e tantas flores
Que enfeitam os jazigos, os jardins
De um campo santo,
É muito lindo!
Mas só na memória dos vivos
É que se pode contemplar tanta beleza assim!
Admiras tantos encantos aqui nesta vida...!
Vida passageira nesta Terra de Seres Vivos!
Tanta alegria ou tristeza passa como
Se fosse por um dia.
E nada... Nada poderemos levar.
É assim tudo o que eu vejo...
É assim tudo o que eu imagino,
Que a vida vai,
E fica a saudade!

Nenhum comentário:

SENTIMENTOS

                 Sérgio Gibim Ortega Quando eu bebo eu sou rei. Já existe uma poesia assim. Meus sentimentos se afloram, e  choro s...