-VOTUPORANGA-SP / MAIO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

domingo, 18 de maio de 2014

MÃE! QUE SUFOCO! NÃO FOI POR POUCO

      Sérgio Gibim Ortega
  
     Um almoço de domingo, de repente quase terminando o churrasquinho, por alguns segundos, notamos a mãe de olhos abertos, virando os olhos, uma convulsão, e pegamo-la, se levantando da cadeira e fomos deitando ao chão, e de lado, retiramos a chapa, massageei o tórax, aonde a comida voltou. Assim imediatamente ela foi voltando, e com calma levamos para dentro até a sala, sentou-se. Medimos a pressão e perguntamos – Pois nada doía. Fomos aliviando, e já por ter visto algo semelhante assim, notei – Era apenas uma convulsão. Como nunca aconteceu, a idade e, a pressão baixa, pois fomos medindo, enfim a indigestão – Após alguns minutos, uma dor de cabeça e tontura. A mãe não se lembrou de nada de alguns segundos desfalecida. Concluímos por enquanto. Pode ser pressão baixa, algo meio sem esperar. Graças a Deus – Foi só um susto.  Mãe, avós, e para com pessoas idosas, vamos ficar mais atento agora.  O susto foi grande. Minha mãe, num almoço dia de domingo. Afff, que susto! - 18/5/2014

Um comentário:

O NOVO JORNAL DO POETA GIBIM disse...

ESSA CIDADE AMIGOS, A GENTE TEM QUE SE CONFORMAR COM A MORTE SE ELA CHEGA. EU ESTOU SE ESPECIALIZANDO NA INTERNETE EM SOCORRER - DEPOIS DAS MINHAS PUBLICAÇÕES DO POSTINHO E, QUE NADA FIZERAM AO MEU PAI, DEIXANDO ELE COM A PEDRA NO CANAL DO RIM, AONDE ELE VEIO A SE CURAR COM CHÁ. O QUE MAIS DIZER - TENHO MEDO DE IR NESTE POSTINHO NOVAMENTE ME DÁ DEPRESSÃO, PASSAR NERVOSO, AINDA QUE COM MEU PAI EU GASTASSE O QUE PUDE EM PARTICULAR TAMBÉM PAR SER ÚTIL E QUE MESMO ASSIM NÃO AJUDOU EM NADA - PEÇO A DEUS PARA QUE NÃO SEJA NADA COM MINHA MÃE - MINHA ESPOSA DIZ QUE VAI IR AO POSTINHO PRA ELA - EU NÃO TENHO CORAGEM DE BRIGAR MAIS COM UMAS LESMAS DAQUELA (SALVE ALGUNS QUE TRABALHAM LÁ E TENHO CERTEZA QUE TEM BOA VONTADE - BUROCRACIA DOS QUINTOS DOS INFERNOS. MAS OS POSTINHOS NA ÉPOCA DO CARLÃO ERA MUITO MELHOR, E POR ISSO FUNCIONÁRIOS NÃO GOSTAVA DELE. HOJE, NINGUÉM TRABALHA MAIS PÔ. HOJE MESMO PASSOU A VARREDURA DE RUA AQUI, OLHOU PRA CÁ, OLHOU PRA LÁ E SEGUIU TRANQUILA. COMIGO O PAU COME MESMO.

PRECISO

         Sérgio Gibim Ortega Preciso olhar em seus olhos e fazer uma bela poesia. Porque tu és a minha linda, e que me trás só alegria....