-VOTUPORANGA-SP / MAIO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

MÉDICOS OU RATOS ROEDORES


                                   Sérgio Gibim Ortega
 
Conforme reclamei sobre a saúde de Votuporanga no Facebook, na página do “Reclame Aqui”, estou depois dos trinta dias passados, voltando para confirmar a safadeza de certos médicos, onde trabalham com pouca vontade no Pronto Socorro, hoje chamado em Votuporanga de “UPA”. Viaturas do SAMU, bombeiros fazem ótimos trabalhos até ser entregue nas mãos dos incompetentes. Portanto estou falando SAMU PRONTO SOCORRO.
Na realidade o atendimento do tal médico foi tão péssimo, que este para mim não era médico, e não passava mais do que um enfermeiro quebra-galho, isso sim.
Vou repetir a notícia em meu blog, uma vez que ao noticiar na página “Reclame Aqui” pelo Facebook, usei uma página aproveitando reclamações sobre a saúde de outros amigos da comunidade, amigos que também naquele momento reclamavam de mau atendimentos a saúde desta cidade.
Estive no “UPA” às 4:00 hs da manhã, onde este médico que não vou citar o nome, porque não tive vontade curiosidade de guardar seu nome. Se fosse perguntar hoje lá, com certeza eles nem iriam mesmo dizer, apesar de aquela tendente nos atendeu muito bem. O médico parecia mais um enfermeiro quebra-galho se passando por pediatra. No atendimento, aonde ele nem levantou sua bunda da cadeira, concordando com algumas conclusões minhas sobre a saúde do meu filho, pela sua preguiça. Quando disse a ele que meu filho vinha tendo cólicas. Eu estava mais certo do que ele médico safado... Safado porque não adianta nosso Deputado Carlão conseguir dinheiro para saúde desta cidade, aonde esses vagabundos vão roendo o queijo aos poucos, e deixando nossos cidadãos morrendo adoentados.
Pois se tratando de meu filho, um pediatra desses teve sorte de não ser coisa grave... Porque ao meu filho cuido bem e corro atrás. No entanto, deixei o burro falar suas insignificâncias sabendo que a cólica já havia passado, presenciei a falta de sua vontade, e onde ele disse mais: “Não procure doença no seu filho, ele é sadio”.
Portanto venho aqui para citar aos vagabundos que quando algo errado acontece com crianças, todo pai deve de preocupar, e procurar sim a doença pra curá-lo. Mas, o verme que matava mais esse jovem médico de ter sua preguiça por nem olhar para a barriga de meu filho, e nem palpá-la, tão ruim que nem remédio passou.

Completando o porquê voltei ao assunto, aonde fui dando remédios e tentando curá-lo pessoalmente, conforme citei ainda na comunidade Facebook. Pois enquanto procurava um pediatra profissional e que não o encontrava, uma vez que eles já tem seus pacientes completos nos consultórios, a gente acaba medicando o filho por onde dá.
Tinha que resolver e resolvi. Procurei um doutor amigo, e também indicado pela Casa de Saúde... Um doutor que não era pediatra, e mesmo assim não sendo sua especialidade em atender crianças, teve a decência de atender ao meu filho, aonde fez as palpações, pediu os exames corretos e confirmou o que nós prevíamos, que meu filho aos 12 anos já tem pedras de um centímetro na vesícula.
Portanto ao rato roedor do “UPA”, atendimento de Pronto Socorro, que disse por sua própria boca, que meu filho era criança e não poderia ter pedras de rim ou de vesícula, venho aqui dar a resposta do amigo médico e outros profissionais, e dizer que o roedor estava totalmente errado. Meu filho agora toma o remédio certo e se depois de dois meses não resolver, ele irá pra cirurgia.

Ao rato roedor do dinheiro da saúde, só me resta deixar claro, e aos futuros candidatos, que o coloquem pra correr da ratoeira.
Desse jeito não adianta ter consultórios novos nesta cidade, porque dinheiro vai faltar sempre. Roedores vão caçar outro canto pra roer. E se descobrir ainda o nome desse rato, eu não tenho medo de falar aqui não. Porque uma hora este rato acaba sendo pego pela ratoeira quando ele menos esperar.

Agora vejo porque o povo reclama da Saúde em Votuporanga. Ser médico não é só sentar com a bunda na cadeira. Já observei os profissionais. É olhar o paciente e quem vai diagnosticar são os exames que precisam ser pedidos. Aprendam a ser médico fácil e a curar os pacientes seus preguiçosos!

Nenhum comentário:

PRECISO

         Sérgio Gibim Ortega Preciso olhar em seus olhos e fazer uma bela poesia. Porque tu és a minha linda, e que me trás só alegria....