-VOTUPORANGA-SP / DEZEMBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

domingo, 7 de agosto de 2011

E-MAIL GROSSEIRO DE UMA ENTIDADE SE UNIDOS PELA PAZ DO MUNDO

Sérgio Gibim Ortega

Nos últimos dias fiquei muito chateado novamente, por participar de um certo grupo que se diz poetas unidos pela paz do mundo. Eu não vou citar os nomes. Mas queria passar minha experiência para os escritores que entram em certos grupos, ou associações de entidades.
Eu entrei, e hoje acredito que certas organizações, se escondem por trás de políticas.
Não tem como entender a tamanha grosseria do certo grupo, quanto tentei um contato apenas para lhe entender as respostas que buscava. Por duas vezes que escrevi, ouvi só desabafos grosseiros. Tem gente neste mundo que é muito ruim... Tem gente ainda carrasco neste mundo.
Pois a tal pessoa que comanda esse grupo aqui no Brasil, me deixou dúvidas, se ela entrou nesta organização, ou não... Se é ela mesmo que me responde os e-mails por tal grupo. Porque a tal pessoa se denomina uma poetiza, onde trás belas poesias e seu nome aparece em nesse tal grupo, nesta organização de poetas unidos pela paz.
Agora, como dizer se é poetas dedicando a paz pelo mundo. Porque, no Brasil eu já vi publicar muitas críticas à política do País. Ou será que por detrás da organização, apenas no Brasil tem esse falso grupo.
Pois o e-mail que escrevi educadamente buscava uma resposta, para tal trabalhos dos poetas. E a tal pessoa disse que eu estava jogando pedras nela.
Publiquei sim sempre meu nome levando a tal entidade, sempre que possível. Mas a tal pessoa, diz que não publiquei. Deixei o nome da entidade na antologia em que participei de “Prosa e Versos”. Procurava sempre divulgar do melhor tempo que fosse possível. Enquanto os meus trabalhos que enviava ao grupo, quase sempre não era publicado. E eu sei porque. Tudo é o medo de a gente vencer. Aí se nega a publicar... Então fui perguntar ao grupo e recebi e só recebi pauladas.
Quando comecei a escrever em 1982, e já em 1987, escrevi naquela época, uma mensagem chamada “Ser Poeta” e na mensagem fala o que é ser poeta. Como se denomina um poeta, que só vive a fazer o bem e trazer amor, e paz. Mas a tal poetiza com vem com tamanha grosseria.
Então meus queridos amigos e escritores. Eu, na minha época dos anos oitenta, recebi muitas cartas de entidades como Casa do Poeta, Movimento Poético em São Paulo, Sindicato dos Escritores do Rio de Janeiro, e estas entidades, que até mesmo deixei de pagar anuidades, porque na época não tinha condições financeiras de levar adiante, mesmo assim elas me respeitavam, e me escreviam, e respondiam minhas cartas com carinho e respeito. E hoje ao participar desses grupos pela Internet, sou recebido com pauladas. Veja também que eu já escrevi esperando pauladas, e até por isso usei mais a minha educação... Mesmo assim a resposta não foi de certa educação.
Então amigos, não entrem em grupos que se disfarçam dizendo que é de escritores. Mas eu sei! Eu também tomo cuidado com vírus, mas acabei entrando nesse grupo errado. E não procurei. A gente é que recebe estas porcarias de convites e acaba entrando.
Mas, eu também pecos a vocês amigos escritores, não participem de antologias, como eu fiz, por editoras que venderão seus livros e ganharão encima, enquanto você compra por um preço alto e nunca conseguirá vender pra tirar o seu lucro. Valorize o seu trabalho. É por isso que fiz o meu próprio livro. São livros artesanais... Livros meus... Gastos meus... Mas se for para divulgar o seu nome, tudo bem. Também é preciso sim. Mas tome cuidado com certos grupos.
Simplesmente, era muito simples escrever educadamente e eu entenderia.

VEJA O E-MAIL QUE ENVIEI

Se duvidas, este também não vai ser publicado. Mas esta crítica, se tem uma razão! Sou Cônsul de... (nome não divulgado) por Votuporanga-SP. Grupo este, que divulgo com muito carinho sempre que, na medida do possível. Porque não vivo só do Grupo. Tenho outros deveres a fazer. No início, convidado pela amiga e... (nome não divulgado), Embaixadora Universal da Paz, fui nomeado, e tentava entender o Grupo, para poder assim participar melhor das atividades. Por um bom tempo não tive respostas. E sempre ao observar o Grupo e o site de... (nome não divulgado), notei que, era apenas um movimento de Poetas unidos pela paz. No início tentei participar com o Grupo, que era outro chamado “...(nome não divulgado)" e notei que havia publicações sobre políticas. Então, certas publicações minha que eu enviava, não eram publicadas. E aí, fiz uma crítica do Grupo, e no meu modo de entender, uma crítica construtiva. O por que não estava sendo publicado os meus interesses também e publiquei no meu blog. Olha! Pois recebi um e-mail de desafeto em nome de... (nome não divulgado), dizendo que eu não participava das publicações, entre outras coisas. Mas hoje, até penso que não foi... (nome não divulgado) e que me enviou aquele e-mail. Porque vejo nela uma pessoa muito boa, está em todas as minhas comunidades de amigos e apenas dirige um Grupo. E estou prestando atenção. O nome do Grupo "... (nome não divulgado)" não recebi mais. Até hoje ainda creio ser Cônsul por esta minha cidade. Porque sempre teve em...(nome não divulgado) o link e minha foto. Mais tarde, vim a saber o que significava e o que tinha que fazer um poeta do movimento, porque encontrei uma amiga Cônsul de Fernandópolis, e ela falava do que em sua publicação, o que nós poetas e escritores tínhamos que fazer, por ser Cônsul. Mas hoje, estou fazendo uma crítica educada e construtiva, esperando não receber mais pauladas. Notei que sempre tenho publicado também o que me interessa, e procuro levar o nome de... (nome não divulgado), inclusive numa antologia que participei. "Poxa vida"! É pouco, mas não vivo de... (nome não divulgado) "ente aspas", preciso ser divulgado também. Pois, o pouco que divulgo, não teria outro desta cidade que faria isso. E se tiver, com certeza, passaríamos o cargo então. No entanto, o grupo sempre divulga o link; "publicar seus trabalhos". Que! Não vejo sempre que envio alguma coisa dos meus trabalhos. Só algum de interesse do Grupo. Pois, ao entrar agora no meu link de Poetas... (nome não divulgado), notei que está desarrumado. A foto minha sumiu. Vejo que ainda tenho meu nome lá e minha poesia, em um outro link, mas, sem a foto. Então, eu estava divulgando meu link errado. Mas vejo ainda, que sou do movimento. Eu não vou dizer mais nada, não vai adiantar. Pois tudo que vivemos hoje em nossa vida é assim, "Venha a nós, a vosso reino nada". Sérgio Gibim Ortega CÔNSUL... (nome não divulgado) MUNDO DE VOTUPORANGA-SE ACREDITA AINDA

VEJA O E-MAIL GROSSEIRO QUE RECEBI

Bom dia Poeta Gibim!! Cônsul de Votuporanga-SP Pior que eu sempre mando teu material ne Gibim ? Ocorre que temos - só no Brasil - 2800 associados e não posso enviar somente de um. . E, mais NÃO RECEBO NADA DE NINGUEM PARA DIVULGAR NINGUEM - faço no meu tempo livre e porque gosto. Vai dai acho que a rua tem mão dupla - e cá para nos nós, eu nunca vejo voce me divulgando, POR EXEMPLO, ALIÁS, SÃO POUCOS OS QUE DIVULGAM MEU TRABALHO ou mesmo que colocam abaixo do seu email o seu endereço de... (nome não divulgado) que é a condição sine qua non para eu publicar qualquer matéria. . E não misture a poeta... (nome não divulgado) e seu trabalho de poesia e os seus grupos de poesia com... (nome não divulgado)- que são pessoas e entidades diferentes. Eu já existia antes de... (nome não divulgado) - que começou em 2005 e continuarei a existir se de repente Poetas... (nome não divulgado) - me entendes? E nos meus grupos de poesias - quem não participar dos exercicios não fica. Antes de responder fui ver em quais varais ou ouro exercicio voce deixou um poema - NÃO EXISTE NENHUM! Foi por isso que voce saiu ... (nome não divulgado) O Grupo de Poesia... (nome não divulgado) e os meus sites - são meus particulares - e neles permanecem quem participa. Não estão misturados a qualquer outro grupo ou site. E, este ano - no dia 20 de novembro - farão onze anos interruptos de funcionamento - as minhas exclusivas espensas. . Alias, hoje movimento... (nome não divulgado) foi sucedido pela Associação Internacional Poetas ... (nome não divulgado) que eu presido - mas como tudo - se não tiver vontade não acontece. . Então não jogue pedra - se voce não esta fazendo a sua parte - até hoje Gibim eu não fui chamada por voce ou pelo seu consulado para absolutamente nada em sua cidade. Voce divulga apenas voce, como a grande maioria, alias. . Não sou melhor que ninguém - mas não dou a ninguém - que não esteja fazendo anda pelo movimento ou por mim - o direito de me jogar pedras. . Não dou a outra face - isso quem fez foi o Filho de Deus - e a santidade esta longe de meu ser que ainda está se aprfeiçoando e que ( acredito nisso de fato!) devo retornar para burilar-me ainda mais. Tenha um bom dia de Paz&Luz. ..... (nome não divulgado), Poeta, Essencialmente

6 comentários:

Sérgio Gibim Ortega disse...

VEJA RESPOSTAS QUE RECEBI MESMO NÃO CITANDO NOME DO GRUPO

Meus amigos - bom dia!

Sou clara e cristalina - alias, desculpe a franqueza, sou mesmo muito direta e reta - como pouquissimas pessoas que conheço.
E como disse na minha mensagem - não mando recados e não dou a outra face.
QUEM FALA O QUE QUER OUVE O QUE NÃO QUER - e se não esta satisfeito - no caso do poeta Gibim - peça para sair.
Do grupo já o retirei.
Não vou comentar o email abaixo por que acho que mais uma vez o Gibim perdeu a oportunidade de calar-se.
Mexer com merda fede sempre.
E continua a misturar ALHOS E BUGALHOS.
EU SOU EU. MEUS GRUPOS SÃO MEUS.
A ASSOCIAÇÃO É OUTRA ENTIDADE.
Pessoa fisica é pessoa fisica e juridica é juridica.

Sérgio Gibim Ortega disse...

Lágrimas de Pedra

Areia nos olhos arde,
É como ferir o coração
A alma ferida que sofre
Peso de pedra, decepção

Pedras trocadas não criam caminhos
O poeta bom esta sempre sozinho
Guarda as pedras contra-atiradas
Para ornamentar o jardim de sua emoção

Chora lágrimas de pedra
Nossa ardente paixão
Segue teu caminho de rocha mesmo que na solidão

Não seja a atenção em despreso
Somos do mundo a poesia
Como pedras seguras na mão.

( Não seja nossa causa a causa da nossa dor)

Cesar Moura

Sérgio Gibim Ortega disse...

Desculpe enviar ao emails de voces - mas o poeta gibim invadiu antes com aleivosias a meu respeito.
Quero informar que ja o retirei do grupo do Yahoo de Poetas (NOME NÃO DIVULGADO)e se ele quiser sair de Poetas (NOME NÃO DIVULGADO) é so pedir que providencio a sua retirada.
Na verdade o poeta gibim confunde alhos e bugalhos como disse na minha mensagem abaixo.
Informo também que ja fiz o bloqueio no meu provedor - o meu tempo e a minha saude são infinitamente maiores que qualquer emblóguios de egos.
Gibim, retire-me de sua lista de e-mails.

........(NOME NÃO DIVULGADO)

Sérgio Gibim Ortega disse...

TAÍ MINHA GENTE! OLHA QUE NEM CITEI NOMES, MAS A CARAPUÇA LHES SERVIU.
EU NÃO POSSO FAZER MAIS NADA.
APENAS EMPENHAR MEU AMOR AS PALAVRAS QUE BUSCO DE AINDA LHE ADMIRO, OU SE NÃO TINHA XINGADO TAMBÉM, MESMO ASSIM VOCÊS VIRAM QUE A REFERIDA CONTINUA NOS NERVOS.
POUCO ME IMPORTAS SE ME TIRA DO GRUPO. NÃO TENHO TEMPO MESMO FICAR LENDO E-MAILS CHEIOS DE TAL.
POETA GIBIM

Sérgio Gibim Ortega disse...

Date: Tue, 9 Aug 2011 11:16:04 -0300
Subject: Re: O NOVO JORNAL DO POETA GIBIM
From: maurapoeta@gmail.com
To: poetagibim@hotmail.com

Gibim, que confusão. Pelo amor de Deus, não sabia que existia tal coisa.
Não sei desse movimento---conheço um pela paz que um amigo meu participa, mas quando ele me pediu pra abri o link, li um palavreado grosseiro de uma pessoa que faz parte do movimento, com palavras de baixo calão----escrevei pra este meu amigo e ele me respondeu que enviaria meu protesto para o coordenador para que ele filtrasse estas coisas----não soube mais nada e também não entro nestas comunidades---quando recebo solicitação para entrar, não entro.
Não é fácil lidar com o ser humano. Li todo o teu texto e fico abismada com isso.
abraços
maura

Minha amiga, não se preocupe, por eu estar expondo o meu problema com o tal grupo, que mesmo não colocando nomes, as pessoas se identificaram, e até mesmo
já me desligaram dessa entidade, ao menos no Brasil. Porque às vezes o próprio grupo não sabe o que se passa.É igual filial de lojas. E disso, eu conheço bem.
Veja bem Maura, amiga poetiza, eu sou simples, vim da roça. Agora estou a fazer meus livros em uma impressora. Mas estão ficando ótimos e já fui elogiado, até já pus a venda.
Mas o quero dizer com isso, mandei publicar isso e o tal grupo não publicou, como assim outros trabalhos meus. Olha! Eu me senti fracassado com o grupo, vendo que eles sempre
publicam outros poetas, etc. Daí coloquei as minhas perguntas, colocando as dúvidas. Da primeira vez, aconteceu de eu escrever amigavelmente, e obtive maus respostas. E desta vez também.
Não quero aqui ser um sínico, mas os e-mails estão aí.
Amiga, eu também sei que a poetiza que comanda esse grupo é tão respeitada, e adoro suas poesias. Não tenho nem coragem de entrar em meus grupos de amigos, o qual ela está também
para perguntar se ela escreveu mesmo este e-mail, ou assina embaixo pelos e-mails a seu grupo. Como disse Donato Ramos, é uma pessoa que pegou uma cadeira, é pra mim uma grande poetiza.
Eu tenho minhas lutas com o grupo, e levando o nome da entidade e tenho sim publicado várias vezes, mesmo que não publiquei ela que comanda o grupo. Sempre levando a entidade de Poetas....pela paz.
Hoje, você sabe. Quem só tem valor, é aquele que ameaça, rouba, etc. Eu não, brigo por pequenas coisas, por palavras mal feitas, porque não me publicou... Porque falou de políticas, como na época, e eu não podia expor
meus assuntos.
Enquanto sou claro, como ela. Mas só que não falo a palavra "merda" como ela falou.
Mas uma vez, respondendo a vc que é amiga, eu acho que entendi. Apesar dela ter todo respeito, vejo que é uma pessoa antiga, e não é culpada por me tratar assim.Da pra perceber que na sociedade, ainda a gente tem
que respeitar certas pessoas mais rude. Simplesmente ela poderia ter dito não, o porque e acabou. para
mim morria o assunto. Porque minha amiga poetiza Maura, não é tão importante que publique minhas atividades nesse grupo. E outra, não tenho nem tempo de abrir tantos e-mais, que enchia minha caixa eletrônica.
Um abraço e deixa isso pra lá.
Sérgio Gibim ortega (Poeta Gibim)

Sérgio Gibim Ortega disse...

É, Gibim, é melhor deixar quieto, pois o reconhecimento vem sem a gente fazer esforço,apenas sendo honesto naquilo que faz, tendo boas ideias, bons pensamentos.
foi melhor assim, te afastares
não identifiquei ninguém, pois não recebi nada de grupo nenhum que fale de paz
Apenas sei e apoio é o Projeto Paz & Poesia da prof. Sueli Rodrigues Bittencourt, senhora de quase 91 anos, do meu Grupo de Poetas Livres, de Florianópolis, que ela faz com escolas e tb pela internet
mas esse grupo que falas, sinceramente não conheço e agora pelo que contas, não desejo conhecer
fico com o projeto da d.Sueli que já ajudou o povo do Timor Leste.
abraços
maura

ANÕES REJEITADOS PELOS PAÍS EM NOVELAS E FILMES

     A atriz Juliana Caldas , 30 anos, em um dos papéis principais novela das nove "Do outro lado do Paraíso" de Walcyr Ca...