-VOTUPORANGA-SP / OUTUBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

A POESIA DE ORIDES SIQUEIRA


TERRORISTAS ASSASSINOS ( 11 DE SETEMBRO)


(Orides Siqueira)

Sem um aviso sequer
Inocentes, homem e mulher
Sem chance de falar
Simplesmente por matar

Sanguinários sem coração
Matam pessoas sem uma razão
Chega desta gente prepotente
Matando, assassinando gente

Dizem ser por religião
Então porque matam irmão
Assim que a poeira baixou
Mortos sem saber o que passou

O mal veio do ar
É impossível acreditar
Pessoas chorando
Indignação, ódio aumentando

Quais motivo para isto fazer
Inocentes morrem, famílias a sofrer
Morrer, morrer, morrer
Foi apenas isto que nos deixaram ver


Nenhum comentário:

SENTIMENTOS

                 Sérgio Gibim Ortega Quando eu bebo eu sou rei. Já existe uma poesia assim. Meus sentimentos se afloram, e  choro s...