-VOTUPORANGA-SP / OUTUBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

quinta-feira, 13 de maio de 2010

CELULAR TOCANDO
Orides Siqueira

Quando o celular toca
Minhas mãos tremem a voz sufoca
Não sei se é dor ou prazer
Corro para atender
Com o coração disparado
Quero saber quem esta do outro lado
Perco o rumo de onde estava
Nem sei que você perguntava
Não sei mais nada se é sim ou não
Com este aparelho na mão
Entro em transe de pura emoção
Não consigo entender
fico a estremecer
Quando começa a tocar
Mil coisas fico a imaginar
Mulher mais cobiçada
Uma fada encantada
Ou a bruxa malvada
Avisando acidente na estrada
Sempre fico intrigado
E com coração sufocado
Tudo vem em pensamento
Num tocar de momento
Ao telefone vivemos a falar
Tudo muda em um tocar
Noticias vem por celular
Te leva do rir ao chorar

Nenhum comentário:

SENTIMENTOS

                 Sérgio Gibim Ortega Quando eu bebo eu sou rei. Já existe uma poesia assim. Meus sentimentos se afloram, e  choro s...