-VOTUPORANGA-SP / DEZEMBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Vereadores acompanham pacientes nas filas dos postos de saúde

Dando continuidade a iniciativa do projeto Vereador Itinerante, os parlamentares Mehde Meidão Slaiman Kanso e José Antonio Pereira dos Santos, o Colinha estiveram na madrugada desta sexta-feira, visitando várias unidades de saúde do município para acompanhar o agendamento de consultas médicas pela população. Por volta das 5 horas da madrugada, Meidão e Colinha acompanharam as pessoas que muitas vezes chegam a pernoitar na fila de espera para agendar uma consulta médica.No Posto de Saúde da Vila América "Danilo Medeiros", os vereadores descobriram um sistema ilegal de "venda" de vagas para agendar consultas médicas feita por pessoas que se aproveitam do momento delicado de pacientes para garantir as guias.Segundo os vereadores Meidão e Colinha, as vagas para as consultas são vendidas por R$ 20 a R$ 30, e no momento da visita no PAS, uma pessoa chegou a oferecer uma guia a Meidão.Em seguida, os vereadores seguiram até o Posto de Saúde do bairro São Cosme e Damião, quando também depararam-se com atravessadores que oferecem guias no valor de R$ 20. Meidão salientou que os moradores elogiaram a iniciativa dos vereadores que estão visitando de surpresa vários órgãos públicos do município para acompanhar o atendimento destinado ao público.Também foi visitado pelos vereadores o Posto de Atendimento de Saúde da Vila Marin "Jerônimo Figueira da Costa Neto", onde cerca de 30 pessoas aguardavam o momento para agendar suas consultas médicas.Meidão adiantou que as visitas serão intensificadas nos próximos dias e irá acompanhar o trabalho de todos os órgãos públicos do município.Segundo o vereador, em contato com a Secretaria Municipal de Saúde e com o prefeito Junior Marão, a partir dos próximos dias medidas severas serão adotadas para acabar com essa ilegalidade praticada por pessoas da comunidade mal intencionadas. "É um absurdo o que nós constatamos, pois as pessoas se aproveitam do momento em que outras precisam de atendimento médico, e guardam vaga na fila para conseguir essas guias. O prefeito nos garantiu que isso vai acabar e medidas severas serão adotadas. A saúde é um direito de todos", disse Meidão.Os vereadores aproveitaram para elogiar o trabalho nas unidades de saúde e o atendimento à população, porém, alertou que essa ilegalidade de "venda" de vagas para guias médicas vai acabar.
Assessoria de ImprensaEmerson Bortolaia
CÂMARA MUNICIPAL DE VOTUPORANGA

Nenhum comentário:

ESSE TEMPO

                  Sergio Gibim Ortega Eu vejo cada história passar pelo tempo... Tempo de infância, um tempo que passou. Lembranças ja...