-VOTUPORANGA-SP / DEZEMBRO DE 2017 - RESPONSÁVEL: Sérgio Gibim Ortega - CONTATO: poetagibim@hotmail.com

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Aprovado projeto que regulamenta podas de árvores

15/7/2009 12:05:21 Aprovado projeto que regulamenta podas de árvores
Programa consiste em sistematizar o serviço de poda e coleta de galhos praticando-a somente duas vezes ao ano, em cada setor

Em defesa do meio ambiente e buscando otimizar o serviço de poda de árvores em Votuporanga, a Prefeitura criou o programa Poda Cidadã. A ação pretende solucionar os problemas enfrentados atualmente com a poda drástica das árvores feita por podadores particulares e a sujeira nas ruas provocada por galhos cortados fora do período de coleta. Duas medidas já foram anunciadas pelas secretarias municipais envolvidas. Os podadores serão capacitados e a poda de árvore será permitida apenas duas vezes ao ano, em cada setor. O projeto foi aprovado pela Câmara de Vereadores nesta semana.

A execução do projeto terá início com o cadastro e a capacitação dos podadores que trabalham de forma autônoma na cidade prestando o serviço aos moradores. O primeiro grupo, estimado em 60 pessoas, foi convidado pela Prefeitura a participar de uma reunião de apresentação do projeto. No dia 23 de julho, eles participarão de um curso de qualificação com a presença de diversas autoridades ligadas ao meio ambiente, entre elas engenheiros agrônomos, polícia ambiental, entre outros. Os podadores terão uma identificação para que apresente ao morador contratante. “Caberá ao cidadão contratar pessoas capacitadas para fazerem o trabalho, a fim de evitar podas irregulares e o depósito de galhos na frente das suas casas sem coleta”, destaca o secretário de Gestão Administrativa, Antonio Robert Rodrigues.

O superintendente da Saev Ambiental, Marcelo Marin Zeitune, conta que o grupo receberá orientações específicas sobre a forma correta de poda, respeitando a estrutura da árvore para não causar danos ambientais, e ainda será informado sobre a importância do uso de equipamentos de segurança e a necessidade de respeitar o novo cronograma de coleta de galhos que será implantado.

Todos os moradores deverão fazer a poda das árvores duas vezes ao ano já a partir do dia 1° de agosto. A cidade será dividida em 12 setores que receberão as equipes de coleta da Prefeitura em datas pré-determinadas. O cronograma está sendo montado. “As 12 regiões da cidade terão meses certos para as podas. Por exemplo, a região 1 terá coleta de galhos em janeiro e em junho e a região 2 em fevereiro e em julho. Faremos um trabalho de conscientização dos moradores e de fiscalização para que o calendário seja obedecido”, explica o secretário de Serviços Urbanos, Waldir Petenucci.

O gestor de projetos, Paulo Napoli, completa que os benefícios serão notados na poda correta das árvores, na limpeza das ruas e na otimização dos serviços prestados pelos funcionários da Prefeitura. “Todos sairão ganhando. Desde o podador que terá mais capacidade de trabalho, passando pelo morador e pedestre que terão as ruas livres dos galhos, até a Prefeitura que irá organizar e otimizar o serviço de coleta, economizando recursos”.

Atualmente, a cidade é dividida em duas áreas com cinco setores: rosa (com 20 bairros), marrom (18 bairros), azul (24), amarelo (17) e verde (23). “São atendidos 108 bairros com coletas mensais. Os mesmos bairros serão atendidos, mas estarão divididos em 12 regiões e cada uma receberá a coleta duas vezes ao ano. Isso evitará as podas excessivas e maior organização do cronograma. Hoje o vizinho faz a poda e na semana que vem o outro vizinho repete o trabalho. Cada vez que isso acontece, nós somos chamados a fazer a limpeza e isso causa desordem do cronograma e desgaste das equipes. Com a delimitação para duas vezes ao ano, além das árvores serem mais protegidas, conseguiremos conscientizar a população e podadores”, comenta Petenucci.

A Ouvidoria Municipal conta que uma reclamação sobre podas é registrada a cada dois dias de trabalho. Nos 60 primeiros dias úteis de trabalho do novo governo, foram 32 queixas relacionadas à poda.

Participam da equipe de trabalho do Poda Cidadã: secretário de Gestão Administrativa, Antonio Robert; chefe do setor de diagnóstico e projetos ambientais, André Villar; escriturário da Secretaria de Gestão Administrativa, Carlos Gratão; diretor de cadastro físico da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Everton Ricardo Santos; gestor de meio ambiente da Saev, Gustavo Gallo, superintendente da Saev, Marcelo Zeitune; gestor de projetos Paulo Napoli; assessora da Secretaria de Obras e Planejamento, Tânia Regina; e Diretor de Planejamento Estratégico e Controladoria Administrativa Tiago Caproni
FONTE-PREFEITURA DE VOTUPORANGA

Nenhum comentário:

ANÕES REJEITADOS PELOS PAÍS EM NOVELAS E FILMES

     A atriz Juliana Caldas , 30 anos, em um dos papéis principais novela das nove "Do outro lado do Paraíso" de Walcyr Ca...